World Transformice
Você já baixou nosso aplicativo Oficial para Windows Phone 8? Não? Então clique no link abaixo;

http://www.windowsphone.com/pt-br/store/app/world-transformice/78f52d57-8841-488a-9dcd-d00743bc242b

Para que utilize o fórum, clique em "Registrar-se" abaixo. Se já tem uma conta, clique em "Login". Caso esteja somente de visita, clique em "Não exibir mais".
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Conectar-se

Esqueci minha senha

Últimos assuntos
Social bookmarking

Social bookmarking Digg  Social bookmarking Delicious  Social bookmarking Reddit  Social bookmarking Stumbleupon  Social bookmarking Slashdot  Social bookmarking Yahoo  Social bookmarking Google  Social bookmarking Blinklist  Social bookmarking Blogmarks  Social bookmarking Technorati  

Conservar e compartilhar o endereço de World Transformice em seu site de social bookmarking


Tudo sobre Windows 7

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Tudo sobre Windows 7

Mensagem por Rock-Wee em Sex Fev 03, 2012 4:44 pm

Windows 7






Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.







Ir para: navegação,
pesquisa




Windows 7Cronologia


Imagem do ambiente de trabalho do Windows 7.
Desenvolvedor:Microsoft
Arquiteturas:x86
x64
Modelo:Código fechado
Lançado em:22 de outubro de 2009
Versão estável:Windows 7 Service Pack 1
Família do SO:Windows NT
Núcleo:Núcleo híbrido
Método de atualização:Windows Update, Windows Server Update Services, SCCM
Interface:Windows Aero
WebsitePágina oficial do Windows 7










Último



Windows Vista





Windows 8Próximo



Portal Tecnologias de informação
O Windows 7 é a mais recente versão do Microsoft Windows, uma série de sistemas operativos produzidos pela Microsoft
para uso em computadores pessoais, incluindo computadores domésticos e
empresariais, laptops e PC's de centros de mídia, entre outros.[1] Windows 7 foi lançado para empresas no dia 22 de julho de 2009, e começou a ser vendido livremente para usuários comuns às 00:00 horas do dia 22 de outubro de 2009, menos de 3 anos depois do lançamento de seu predecessor, Windows Vista.

Diferente do Windows Vista, que introduziu um grande número de novas
características, Windows 7 foi uma atualização mais modesta e focalizada
para a linha Windows, com a intenção de torná-lo totalmente compatível
com aplicações e hardwares com os quais o Windows Vista já era
compatível. Apresentações dadas pela companhia no começo de 2008
mostraram um "Shell" novo, com uma barra de tarefas diferente, um
sistema de "network" chamada de "HomeGroup", e aumento na performance.
Algumas aplicações que foram incluídas em lançamentos anteriores do
Windows, como o Calendário do Windows, Windows Mail, Windows Movie Maker
e Windows Photo Gallery não serão incluidos no Windows 7; alguns serão
oferecidos separadamente como parte gratuito do Windows Live Essentials.


Índice


[esconder]


  • 1 Origem do nome
  • 2 Recursos adicionados e melhorias
  • 3 Recursos removidos
  • 4 WordPad e Paint
  • 5 Compatibilidade

    • 5.1 Modo Windows XP

  • 6 Críticas

    • 6.1 Regulamentação Anti-monopólio
    • 6.2 Campanha Windows 7 Sins

  • 7 Edições
  • 8 Linha do tempo

    • 8.1 Windows 7 Beta
    • 8.2 Windows 7 Release Candidate
    • 8.3 Windows 7 RTM

  • 9 Os Services Packs do Windows 7

    • 9.1 Windows 7 Service Pack 1

  • 10 Requisitos do sistema
  • 11 Limite de Memória Física
  • 12 Ver também
  • 13 Ligações externas
  • 14 Referências

Origem do nome


O seu nome veio da seguinte forma: sendo a sétima versão estável do Windows, sendo o Windows 95 a primeira, Windows 98 a segunda, Windows 2000 a terceira, Windows ME a quarta, Windows XP a quinta, Windows Vista a sexta e o Windows 7 a sétima. O nome de código seguiu a tradição da Microsoft durante anos, colocando nome de cidades em seus produtos. Ao longo das décadas de 1980 e 1990, várias versões dos seus sistemas operacionais tiveram nomes de cidades, como o Sparta, uma referência a cidade-estado grega Esparta (Windows for Workgroups 3.11), Daytona (Windows NT 3.5), Cairo (Windows NT 4.0), Windows NT 5.0 (Windows 2000), Chicago (Windows 95), Memphis (Windows 98) e em 2009 retomando a tradição, Vienna (Windows 7)

No início da primeira década deste século, a empresa quebrou a tradição das cidades ao usar o nome de Whistler (Windows XP), uma estância de esqui no Canadá, e Longhorn, que se transformou no Windows Vista.

"Isso não reflete uma grande mudança para nós, já usamos cidades como nome de códigos no passado", afirmou a Microsoft num comunicado à imprensa.

Desde a fase final de lançamento do Whistler, que viria a ser lançado como Windows XP, a Microsoft já desenvolvia o Longhorn (que foi lançado como Vista) e planejava o Blackcomb.
Após algum tempo de lançamento do Windows XP, e com o Longhorn já perto
de ser lançado, a Microsoft resolveu renomear o projeto Blackcomb para Vienna, porém o novo nome não duraria muito.

Em 13 de outubro de 2009, a Microsoft anúncia oficialmente que vai
utilizar o mesmo nome de código para a versão final do produto. A
empresa justifica a decisão alegando estar "firmemente enraizada nas
aspirações do Vista" ao mesmo tempo que evolui e refina sua plataforma.[2]

Recursos adicionados e melhorias


Steve Ballmer declarou que "ele será como o Windows Vista, mas muito melhor" em resposta à pergunta sobre a proximidade que ele teria com o sistema operacional atual.[3] O Windows possui os seguintes recursos:


  • Interface gráfica aprimorada, com nova barra de tarefas e suporte para telas touch screen e multi-táctil (multi-touch)
  • Internet Explorer 8 (atualização para Internet Explorer 9 já disponível via Windows Update)
  • Novo menu Iniciar
  • Nova barra de ferramentas totalmente reformulada
  • Comando de voz (inglês)
  • Leitura nativa de Blu-Ray e HD DVD
  • Gadgets sobre o desktop, independentes da Sidebar
  • Novos papéis de parede, ícones, temas etc.
  • Conceito de Bibliotecas (Libraries), como no Windows Media Player, integrado ao Windows Explorer
  • Arquitetura modular, como no Windows Server 2008
  • Faixas (ribbons) nos programas incluídos com o Windows (Paint e WordPad, por exemplo), como no Microsoft Office 2010
  • Aceleradores no Internet Explorer 8 (também no Internet Explorer 9)
  • Aperfeiçoamento no uso da placa de vídeo e memória RAM
  • UAC personalizável
  • Home Group
  • Melhor desempenho
  • Windows Media Player 12
  • Nova versão do Windows Media Center
  • Gerenciador de Credenciais
  • Boot otimizado e suporte a boot de VHDs (HDs Virtuais)
  • Instalação do sistema em VHDs
  • Nova Calculadora, com interface aprimorada e com mais funções.
  • Reedição de antigos jogos, como Espadas Internet, Gamão Internet e Internet Damas.
  • Ferramenta de Captura, disponível para as versões: Home Premium, Professional, Ultimate e Enterprise.
  • Modo Windows XP
  • Aero Shake
  • Aero Peek
  • Aero Snap
  • Todos os sistemas de câmeras são permitidos

Recursos removidos


Apesar do Windows 7 conter novos recursos, um número de capacidades e certos programas que faziam parte do Windows Vista
não estão mais presentes ou mudaram, resultando na remoção de certas
funcionalidades. Segue-se uma lista de recursos que estavam presentes no
Windows Vista mas foram removidas no Windows 7:


  • Muitas ferramentas da interface gráfica,[4]incluindo:

    • O miniplayer do Windows Media Player foi substituído pelos botões na miniatura da janela
    • Fixar navegador de internet e cliente de e-mail padrão no menu
      Iniciar é na área de trabalho (programas podem ser fixados manualmente)
    • A marca d'água da versão Starter
    • Exibição do número de botões combinados na barra de tarefas
    • A capacidade de desligar a pré-visualização das janelas na barra de tarefas (somente no tema "Basic")
    • Advanced search builder UI.
    • A capacidade de desabilitar a propriedade "Sempre no topo" da barra de tarefas
    • Não é mais possível ver as propriedades de várias pastas ao selecionar ambas, como era possível antes
    • Ao trocar o idioma seguindo os passos descritos no site da
      Microsoft, o sistema, mesmo sendo original, é reconhecido como pirata,
      mesmo que o usuário reinsira a chave original.
    • O menu de contexto dos botões da barra de tarefas foi substituído
      por Jump Lists, assim as opções Restaurar, Mover, Tamanho, Minimizar e
      Maximizar foram movidas para o menu de contexto da respectiva miniatura
      da janela
    • Expandir a área de notificação horizontalmente (ícones aparecem em uma nova mini-janela)


  • Alguns recursos do Windows Media Player:

    • Editor de tags avançadas
    • Não existe mais a opção "Abrir com..." ao selecionar vários objetos no Windows Explorer
    • Recentemente adicionada Auto playlist


  • Windows Photo Gallery, Windows Movie Maker, Windows Mail e Windows Calendar foram substituídos pelas suas respectivas contrapartes do Windows Live, com a perda de algumas funcionalidades.
  • Os filtros da web e relatório de atividades foram removidos da ferramenta de controle parental.[5] Essas funcionalidades foram substituídas pelo Windows Live Family Safety
  • Os protetores de tela Aurora, Windows Energy e Windows Logo [6]
  • Software Explorer do Windows Defender[7]
  • Gerenciador de mídias removíveis[8]
  • Windows Meeting Spac[9]
  • InkBall
  • O teclado numérico do Teclado Virtual
  • Microsoft Agent 2.0 Technology
  • Windows Sidebar (substituído por Desktop Gadget Gallery)

WordPad e Paint


O WordPad (programa padrão de edição de textos) e o Paint (programa
padrão de edição de imagens) agora tem visual semelhante ao Microsoft
Office 2007, com a interface Ribbon. Também possuem recursos novos: Como
o Paint que possuem formatos de desenhos novos. O WordPad agora abrem
arquivos no formato DOCX (formato padrão do Office 2007 e posterior) e
ODF (formato usado por muitos softwares livres como o BROffice.org).

Compatibilidade


A Microsoft afirmou que o Windows 7 terá plena compatibilidade com drivers e aplicações.[10]
Portanto, não se reproduzirão as incompatibilidades e problemas que
aconteceram ao se usarem programas que funcionavam com perfeição no Windows XP e não funcionaram no Windows Vista.

Em 24 de Abril de 2009,
a Microsoft revelou que o Windows 7 (versões Professional, Enterprise e
Ultimate apenas) iria ter o Windows XP "embutido", na forma de um modo
virtual, similar ao ambiente Classic, do Mac OS X, disponível como
download separado.[11]

Modo Windows XP


Conhecido também por XPM é a mais nova ferramenta do Windows 7. Consiste em virtualizar o Windows XP, não apenas em modo de compatibilidade como nas outras versões do Windows, mas como num todo, como a execução do código fonte em um Windows XP
"de verdade". Este recurso, promete resolver questões definitivamente
como a incompatibilidade não resolvida pelo recurso nativo do Windows Vista por exemplo, que apenas emula parte do código do Windows XP, e também, o abandono definitivo do Windows XP, já que agora, programas incompatíveis com o Windows Vista
e 7 até a Build 7100 (RC), já estarão funcionando perfeitamente quando a
ferramenta entrar em acção. Este recurso está presente nativamente a
partir da versão RC do Windows 7 em inglês, e em versões como em
Português, deve ser baixada separadamente no site da Microsoft.
Para poder executar o Modo Windows XP, a microsoft lançou uma
atualização que retira o requisito de um processador com a tecnologia de
virtualização.

Críticas


Regulamentação Anti-monopólio


Assim como outros sistemas operacionais da Microsoft,
o Windows 7 está sendo estudado por órgãos de regulamentação federal
dos Estados Unidos. De acordo com os relatórios de status arquivados,
começou a ser discutido protótipos do novo sistema operacional em Fevereiro de 2008. Michael Gartenberg, um analista da Jupiter Research, disse que, "O desafio da Microsoft para o Windows 7 será continuar a adicionar ferramentas que os consumidores vão usar sem infringir as regulamentações.[12]

Na Europa, é obrigatório que o Windows 7 seja vendido com os navegadores de internet rivais, incluindo possivelmente Mozilla Firefox, Opera ou Google Chrome. O motivo é que, incluindo o Internet Explorer na instalação do Windows, cria uma concorrência desleal aos navegadores. Porém, Microsoft
anunciou no blog dos engenheiros do Windows 7 que os usuários serão
capazes de desabilitar mais recursos que no Windows Vista, incluindo o
navegador Internet Explorer.[13]

Campanha Windows 7 Sins


A Free Software Foundation (Fundação do Software livre) lançou uma campanha contra o Windows 7 e a Microsoft intitulada Windows 7 Sins, com fortes críticas ao sistema operacional e ao comportamento da empresa.

A campanha alega que o Windows 7 constitui um ataque à liberdade das
pessoas, que o sistema operacional e as ações da empresa buscam ou
resultam no envenenamento da educação, invasão de privacidade,
monopólio, formatos próprios e restritivos em relação à padrões
internacionais, imposição de DRM e comprometimento da segurança do usuário através de vulnerabilidades e falhas de segurança.

A campanha é online, e pode ser vista no site [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

Edições


Ver artigo principal: Edições do Windows 7


O Windows 7, assim como o Windows Vista,
tem disponível seis diferentes edições, porém apenas o Home Premium,
Professional e Ultimate são vendidos na maioria dos países. As outras
três edições Starter, Home Basic. O Enterprise é ofercido as as Empresas
se concentram em outros mercados, como mercados de empresas ou só para países em desenvolvimento. Cada edição inclui recursos e limitações, sendo que só o Ultimate não tem limitações de uso. Com exceção do Starter, que só está disponível na arquitetura x86 (32 bits), todas as outras edições são em arquitetura x86 (32 Bits) e x64 (64 Bits). Segundo a Microsoft,
os recursos para todas as edições do Windows 7 serão armazenados no
computador, independentemente de qual edição em uso. Os usuários que
desejam atualizar para uma edição do Windows 7 com mais recursos, podem
utilizar o Windows Anytime Upgrade para comprar a atualização e
desbloquear os recursos nessas edições.

Linha do tempo


Windows 7 Beta


No dia 9 de Janeiro de 2009, foi liberada a versão oficial para download do beta 1 do Windows 7. A build seria a mesma que teria vazado em sites torrent alguns dias antes (6.1.7000.0.081212-1400). Minutos depois, todos os servidores Microsoft estavam lotados.

A Microsoft divulgou a informação de que o Windows 7 Beta deveria
expirar em 1º de junho de 2009. Essa informação na verdade era incorreta
e fez com que a empresa divulgasse uma nova informação enviando ao
colaboradores da versão de teste que cometeram um erro ("We made a
mistake"). A versão beta deve começar a desligar a cada duas horas a
partir de 1º de maio de 2010 (informação oficial)

Windows 7 Release Candidate


Dia 5 de março foi liberado o Windows 7 Release Candidate build 7100,
e expirou no dia 1 de junho de 2009, reiniciando o computador de duas
em duas horas, e com a tela da Área de Trabalho na cor preta.

Windows 7 RTM


A última compilação do Windows 7 foi feita e registra a Build 7600. A versão RTM do sistema tem a seguinte string: 7600.16385.win7_rtm.090713-1255. Isto significa que a última versão foi compilada dia 13 de Julho de 2009
às 12:55. O sistema está totalmente estável na maioria dos cenários e
livre de bugs conhecidos. Como prometido pela empresa, no dia 13 de Julho,
ela apresentaria aos parceiros e ao mundo a versão final do sistema que
acabou vazando antes. Sua versão comercial já está disponível para
comercialização desde 22 de Outubro de 2009.[14] Após alguns meses no mercado, o Windows 7 fez um grande sucesso, deixando uma marca histórica para a Microsoft.
Que na atualidade o Windows 7 é considerado seguro, fácil de usar,
rápido em executar tarefas e músicas, etc. O Windows 7 é conhecido em
suas versões: Starter Edition, Home Basic, Home Premium, Professional e Ultimate.

Os Services Packs do Windows 7


Windows 7 Service Pack 1


A Microsoft lança um pacote de atualizações para o sistema
operacional Windows 7, mas conhecido como o famoso Service Pack. O
service pack do Windows 7 é a primeira versão. Trazendo novas funções e
mais segurança aos usuários domésticos e empresas, tornando-se o Windows
7 mais seguro e confiavel. O Service pack esta disponível em português,
apenas usando o Windows Update para receber a atualização para o
Windows 7. Depois de algum tempo, qualquer sistema operacional precisa
de algumas atualizações para corrigir erros ou, simplesmente, melhorar
algumas funcionalidades. É por isso que a Microsoft lança o Windows 7
Service Pack 1. A instalação é um processo simples. Como novidades
importantes, o Windows 7 Service Pack 1 traz melhoras no gerenciamento
das conexões Wi-Fi e Bluetooth. Microsoft RemoteFX melhora também a
qualidade das conexões com uma área de trabalho remoto. O SP1 também
inclui novos aperfeiçoamentos para recursos e serviços do Windows 7,
como melhor confiabilidade ao se conectar a dispositivos de áudio HDMI,
imprimir usando o Visualizador XPS e restaurar pastas anteriores no
Windows Explorer, após uma reinicialização.

Requisitos do sistema


A Microsoft publicou os Requisitos mínimos do Windows 7. Os
Requisitos do Home Premium/Professional/Ultimate para a arquitetura de
32 bits são os mesmos requisitos do Windows Vista, mas a versão de 64 bits é consideravelmente mais elevado. A Microsoft lançou um aplicativo chamado Upgrade Advisor, que examina um computador para ver se é compatível com o sistema operacional.

Requisitos mínimos para Home Premium/Professional/UltimateArquiteturaProcessadorMemória (RAM)Placa gráficaEspaço Livre em HDUnidade óptica
x86 (32 bits)x64 (64 bits)
1 GHz
1 GB de RAM2 GB de RAM
Suporte para o dispositivo de gráficos DirectX 9 com 128 MB de memória gráfica (para Aero Glass)
16 GB de espaço em disco disponível20 GB de espaço em disco disponível
Unidade de DVD (apenas para instalar a partir de uma mídia de DVD/CD) ou entrada USB
Limite de Memória Física



Limite de Memória RAM Starter/Home Basic/Home Premium/Professional/Enterprise/Ultimate[15]ArquiteturaWindows 7 Starter EditionWindows 7 Home BasicWindows 7 Home PremiumWindows 7 ProfessionalWindows 7 EnterpriseWindows 7 Ultimate
x86 (32 bits)x64 (64 bits)
2 GB-
4 GB8 GB
4 GB16 GB
4 GB192 GB
4 GB192 GB
4 GB192 GB
avatar
Rock-Wee
Fundador
Fundador

Mensagens Mensagens : 230
Idade Idade : 19
Localização Localização : Sete Lagoas

Ver perfil do usuário http://www.worldtransformice.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Tudo sobre Windows 7

Mensagem por Zzaazzaaa em Dom Fev 05, 2012 11:56 am

Meu computador é Windows XP *--* prefiro XP. mais o 7 é melhor ..

Minha assinatura:

_________________________________________________
Metas:

100 Mensagens (X)

Ser Adm ( )

Criar um habbo pirata ( )
avatar
Zzaazzaaa
Moderador
Moderador

Mensagens Mensagens : 145
Localização Localização : Sala habbid

Ver perfil do usuário http://worldtransformice.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Tudo sobre Windows 7

Mensagem por Leocarmmet em Ter Mar 06, 2012 6:16 pm

Muito bom, O meu windows e o 7 4 GB 900 MB ,
8 Mega
será que e bom ? O.O'

Minha assinatura:

_________________________________________________
avatar
Leocarmmet
Administrador
Administrador

Mensagens Mensagens : 4

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Tudo sobre Windows 7

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum